Um crime não perdoa outro anterior e semelhante

Nota Postado em Atualizado em

Editorial – 05.01.2014

A ação imediata e decisiva da secretaria municipal de meio ambiente de Santarém é admirável. Afinal o desastre provocado pela má construção do projeto Minha Casa minha vida, por ocasião das últimas chuvas torrenciais é caso de irresponsabilidade de todos os envolvidos no projeto.

O que está acontecendo nestes dias no lago do Juá não  pode ser atribuído apenas às chuvas, afinal elas estão previstas pois é inverno amazônico. Será que os engenheiros das obras estão envergonhados? O secretário  municipal garante ter alertado a empresa Em Casa a proteger o projeto de um possível desastre.

O secretário parece estar firme em seu discurso. Garante ele que a obra seja paralisada imediatamente para corrigir os erros de engenharia, antes de outra chuva forte como a anterior. Caso não seja respeitado, a  secretaria aplicará multa bem alta de até 5 milhões de reais. Resta saber se o discurso será respeitado pela ré.

O que o secretário não pode fazer agora é atribuir o desastre no lago do Juá apenas aos erros do projeto Minha Casa Minha Vida. Semelhante decisão firme se espera dele sobre ao projeto anterior da Imobiliária Buriti. Isto porque o lago do Juá vem sendo destruído há mais de um ano pelos erros  e ambição da imobiliária. Várias  denúncias foram feitas acompanhadas de fotos mostrando que as enxurradas provenientes dos 186 hectares desmatados ilegalmente já vinha assoreando e poluindo as águas do lago.

O secretário municipal de meio ambiente não pode se omitir, dizendo que o caso está na alçada do estado do Pará.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.