Os confrontos e os ameaçados

Postado em

Análise da Semana – Nossa Voz é Nossa Vida – 23.10.2016

A sociedade brasileira e daqui da região, vivem momentos de tensões sem ter certeza qual será seu futuro próximo. Está em jogo interesses opostos, de um lado o do progresso a qualquer custo. Tanto a nível nacional como municipal, quem mais sofrerá impactos com esse jogo,  os que menos são levados em conta nas decisões. Felizmente começa a haver uma reação de grupos mais sensíveis. Começam a ser cobrados os políticos e administradores públicos, tanto no país como no município.

Lá em Brasília o confronto está rolando por causa do massacre previsto pela possível mudança na constituição, com a tal PEC 241. É uma proposta indecente do presidente Michel Temer e seus acólitos no congresso nacional. Querem empurrar esse crime goelas abaixo dos pobres, dos estudantes e dos trabalhadores. Sem o menor escrúpulo e sem respeito à maioria dos brasileiros, querem prejudicar a assistência à saúde, cortar verbas para a educação e direitos trabalhistas. Entre esses criminosos deputados federais, estão quatorze dos 17 paraenses, um deles aqui da região.

No município de Santarém o confronto nestes dias, é entre os interesses de empresas e seus defensores, que querem construir quatro grandes portos graneleiros dentro da cidade de Santarém. Cada um semelhante ao invasor de território, o porto da multinacional CARGILL na ex praia da Vera Paz. Esses novos projetos portuários, irão violar Área de Proteção Ambiental, APA Maicá, além de violar direitos de nove bairros da periferia da cidade, caso deixem aquilo acontecer.

Apoiadores desse crime, são vários vereadores, vários empresários e alguns moradores ingênuos e oportunistas que pensam tirar vantagens dos projetos portuários da EMBRAPS. Forçam a barra,  sem respeito aos direitos dos moradores e à APA Maicá,. A Câmara de vereadores  é um dos palcos desse confronto de interesses. Nos próximos dias deverá entrar em votação um projeto de emenda à lei do Plano Diretor do Município. É uma iniciativa da vereadora Ivete Bastos, regulamentando o plano diretor  com intensão de proteger a APA MAICÁ.. A lei foi aprovada pela Câmara de Vereadores e sancionada pela então prefeita ainda no ano 2006. Sua abrangência deve ter início no furo do lago Maicá, seguindo até o igarapé do Jacaré, na boca de cima do Ituqui.  Essa emenda irá garantir proteção de todo o ambiente da área, igarapés, lago e moradores dos bairros.

Tal emenda deverá ser votada ainda neste ano. Mas um grupo de vereadores quer adiar para o próximo ano, dando assim oportunidade para o projeto de portos ser instalado antes disso. Por que esses ditos representantes do povo preferem apoiar a invasão do território urbano? Alguém tem dúvida? Aqui do outro lado desse confronto, há um abaixo assinado promovido pela Pastoral social da diocese, com mais de  mil assinaturas a será entregue a todos os vereadores, exigindo respeito aos moradores de Santarém  aprovando a emenda parlamentar da vereadora Ivete Bastos.

Tanto a nível nacional como municipal está em jogo semelhante confronto de interesses. De um lado os que falam em melhoria de economia, geração de empregos. Mas na prática, defendem empresas e prejudicam os trabalhadores além dos pobres. Do outro, os que defendem os direitos da vida, do território e da mãe natureza. Do lado de cá cresce a resistência, os protestos de rua, as greves. O abaixo assinado em Santarém é um sinal dessa resistência e os vereadores terão que saber que se foram eleitos pelo povo é para defender os interesses da população. Nesta semana se saberá quem respeita os moradores de Santarém lá na Câmara de vereadores.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.