Por que tanta passividade dos povos da Amazônia

Postado em

Editorial RNA – 17.02.2017

 

Causa surpresa o silêncio humilhante das organizações de trabalhadores,  igrejas e movimentos sociais da Amazônia, diante da arbitrariedade dos governantes, congresso nacional e poder judiciário. O que está sendo decidido, tanto pelos que foram eleitos pelo povo, como pelo presidente da república, no caso da emenda constitucional sobre a previdência social e as leis trabalhistas, está sendo aceito sem resistência pela população.

Se no resto do país as consequências são graves, mais graves ainda sobre os povos da Amazônia. Desta região foram eleitos 27 senadores e mais de 35 deputados federais, porém raros são os que levantam frágeis vozes em defesa de seus eleitores.

Na esteira dessas arbitrariedades entram, a usurpação de territórios indígenas, diminuição de áreas de proteção ambiental, estímulo a empresas nacionais e estrangeiras para exploração de minérios, madeira e derrubada de floresta para pasto de gado e agronegócio. Apenas em 2016 foram derrubados oito mil quilômetros quadrados de floresta na região. Rios estão sendo poluídos e represados para construção de hidroelétricas (Madeira em Rondônia, Teles Pires e Juruena no Mato Grosso, Xingu e Jari no Pará), riquezas minerais  são extraídas em Roraima, Rondônia, Amapá e Pará, sem pagarem imposto de exportação, com graves prejuízos aos estados (Paranapanema em Roraiama, Diamantes em Rondônia, Bauxita em Oriximiná e juruti, ferro em Carajás, entre outras riquezas retiradas deixando crateras e pobreza).

Escandalosa é a conivência dos políticos, criminosa a ação do governo federal, decepcionante a passividade das organizações sindicais, das igrejas, dos movimentos sociais da Amazônia. Não há uma reação forte contra tantas violências legalizadas por um governo que ignora os moradores da Amazônia.

Continuando neste escalada, qual será o futuro dos povos e desse almoxarifado do capitalismo depredador? Será que daqui a dois anos, os e as eleitoras ainda votarão nesses políticos irresponsáveis que hoje entregam sua região à sanha do capital? Ainda aceitarão este governo submisso aos empresários? Não é possível que 28 milhões de moradores da Amazônia vão continuar de cabeça baixa para tanta humilhação imposta.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.