Democradura sobre trabalhadores e pobres

Postado em

Editorial para Red Pan Amazônia – 31.01.2018

Cada semana envio uma pequena análise para um rede de emissoras da pan Amazônia.

 

Povos e natureza da Amazônia vivem mais um momento trágico de sua história. A ditadura parlamentar, Michel Temer e Tribunal Federal  violam a constituição nacional, negociam seus interesses políticos e empresariais. Tomam decisões sem consulta aos povos, com graves prejuízos aos trabalhadores. Já aprovaram a destruição das leis trabalhistas, retirando direitos a férias, e segurança sindical. Agora, Michel Temer decide modificar a lei da previdência social, prejudicando o direito a aposentadoria dos trabalhadores. Como para tal crime necessita mudar a constituição federal e para isso, carece de 308 votos de deputados, mas só conta com 270 que se venderam a troco de favores eleitoreiros. A votação da mudança da lei da previdência deve ser votada dentro de duas semanas, então o presidente ilegítimo, já sem poder desviar dinheiro para comprar deputados, entrega a responsabilidade aos empresários, patrões dos trabalhadores, para eles comprarem os votos dos 38 deputados indecisos. Assim está a desmoralização do país que já foi líder da América do Sul.

As violações dos direitos dos brasileiros acontecem da instância federal, chega às esferas, estadual e municipal na Amazônia. Governantes e parlamentares ignoram seus eleitores e estão a serviço de empresas nacionais e estrangeiras. Em Santarém, Estado do Pará, uma empresa imobiliária destruiu 186 hectares de bosque nativo na periferia da cidade, com intenção de construir um conjunto habitacional para classe média. Denunciada a violação de  leis ambientais e outros crimes, foi embargada a obra por órgãos federais. Dois anos depois o prefeito local liberou ilegalmente a continuidade da obra, sem respeitar os embargos anteriores federais. Pela resistência de movimentos sociais finalmente a justiça federal impediu a continuidade da destruição.

Pouco a pouco a sociedade civil está resistindo à ditadura  com máscara de democracia no Brasil. Mesmo que muito lentamente.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.