Há sinais de luz na noite escura

Postado em

Análise da semana  Nossa Voz é Nossa Vida  26.05.2019

Aqui estamos em mais um dia para partilhar com você uma análise sobre a semana que passou, acontecimentos que alimentam nossa esperança de que, amanhã há de ser outro dia, como diz a cantiga do premiado cantor Chico Buarque de Holanda. Pra começar, escute esse fato em forma de piada: o presidente brasileiro reclamou dizendo que não conseguia governar o país por causa do sistema. Então um idoso perguntou à sua idosa esposa – de qual sistema ele reclama? Ela respondeu – do sistema de conhecimento dele que é nulo… Vamos então partilhar situações positivas da semana que passou. Primeiro o município de Belterra está de parabéns. Finalmente, a justiça corrigiu  o sistema de falta de sabedoria do prefeito belterrense. A primeira turma de direito público do Tribunal de Justiça do Pará, proibiu o prefeito, Dr. Macedo de continuar a destruir parte da Área de Proteção ambiental, APA Aramanaí. Violando a lei ambiental o prefeito desmembrou dois mil hectares da APA para entregar a construção de portos graneleiros. Esse crime seria para favorecer empresários, prejudicando  as praias, o turismo e as populações da região. Pela sentença da justiça, o prefeito está proibido de emitir qualquer licenciamento da área para outros fins que não sejam para fortalecer a área de proteção ambiental.

Outro sinal de esperança de outro mundo melhor aconteceu  no município de Santarém.  O prefeito municipal foi obrigado  assinar um termo de ajuste de conduta TAC, com o Ministério público Federal, MPF para reassumir a administração do Hospital  Municipal e a UPA. Isto porque a Terceirizada Organização Social, OS Instituto Panamericano de Gestão não tem competência para administrar o hospital. Falta-lhe  quadro de dirigentes profissionais com formação específica para administrar área de saúde. Este foi o argumento do MPF para ajuizar o prefeito municipal. Esta decisão da justiça confirma o que já uns meses atrás denunciavam alguns médicos do hospital municipal. Inexplicavelmente o prefeito municipal insistiu em transferir a administração do hospital e UPA, quando as evidências indicavam que seria um fracasso tal decisão. Finalmente a justiça salva a população de desastre mais grave e o prefeito terá que agir com mais cautela pensando primeiro no bem dos munícipes que o elegeram acreditando que seria um competente gestor publico. Se a prefeitura tem 179 milhões de reais para repassar à empresa contratada, por que não usa esse recurso para contratar apenas um competente gestor, comprar equipamentos e insumos reclamados pelos médicos  há algumas semanas, e a prefeitura mesma gerir a saúde no município? Uma empresa contratada certamente quer gerar lucro para si e vai faltar para melhorar o serviço do hospital. A pergunta que fica depois dessa derrapada do prefeito é, vai aprender com o erro, ou vai repetir a terceirização da gestão?

Outro assunto que merece nossa atenção é a vida nova que estudantes e sindicalistas estão dando ao Brasil e à nossa região. A grande manifestação do último dia 15 e a próxima no próximo dia 30 são indicadores que o gigante adormecido despertou e o presidente incompetente terá que decidir respeitar os milhões de brasileiros prejudicados por suas loucuras e de seus ministros. Espera-se que em todas as cidades, vilas e comunidades de nossa região, haja manifestações em defesa da democracia, na sua comunidade também. Pois quem sabe  faz a hora não espera acontecer.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.