Alter do chão entra na onda dos incêndios de Bolsonaro

Postado em

Notícia para Red Pan amazônica  – 18.09.2019

Incêndio em algumas áreas de savana na Amazônia aconteceram no passado. Porém, nunca como neste ano. Até agora mais de 70 mil focos de incêndio foram identificados em vários estados da região. O mais recente aconteceu na semana passada aqui bem próximo ao elogiado balneário de Alter do Chão, às margens do rio Tapajós. Cerca de 400 hectares de mata nativa se tornaram cinzas.

Como nada acontece por acaso na natureza, buscam-se as causas demais esse abalo ao meio ambiente. Duas grandes causas são evidentes nesse caso. Um, o desgoverno federal. O presidente Bolsonaro foi eleito para satisfação do agronegócio e dos mineradores. Ele assumiu o cargo consciente que serviria aos devastadores da Amazônia. Para isso, escolheu como ministra da agricultura, uma mulher Tereza Cristina ministério do meio ambiente, um homem, Ricardo Salles, também ligado ao agro negócio. Ambos estão cumprindo à risca seu papel. Esvaziaram órgãos fiscalizadores do ambiente, facilitam a grilagem de terras sem condena-los.

A outra causa de tanta destruição da Amazônia são grupos de criminosos que certos da impunidade provocam incêndios em quantidade. O presidente neste momento tem o cinismo de acusar as ONGs de provocadoras dos incêndios e seu ministro Salles acusa os moradores das comunidades como incendiários. São atitudes perversas como essas que estão destruindo o pulmão do planeta.

Instituições sérias no mundo não aceitam a ditadura disfarçada no Brasil. Além de várias reações da Europa, agora caso o presidente ridículo va à assembleia da ONU na próxima semana, certamente será ridicularizado e receberá grave advertência. Afinal, se o cuidado com a Amazônia é responsabilidade do Estado brasileiro, mas, como afirma o Papa Francisco, o que acontece nesta região tem a ver com o equilíbrio climático e aí todos os países são corresponsáveis.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.